A cor certa para o seu negócio

Blog---114---Cores-para-o-seu-negocio  MENOR

Pare pra pensar nas marcas que vêm à sua cabeça quando você pensa em bebidas não alcoólicas, em chocolates, em chinelos. Pensou? Obviamente, essas marcas têm logotipos, têm um design específico, têm um estilo próprio – e têm cor! Afinal, 84,7% das pessoas afirmam que a cor influencia mais do que muitos outros fatores na hora de escolher um produto. E agora, quais cores podem te ajudar na parte gráfica da empresa?

A gradação de cores

Peraí, vamos organizar um pouco: no post, ao tratarmos de determinadas cores, ainda que não falemos de todas as gradações de cor. O que é uma gradação de cor? É a variação dessa cor, a exemplo de quando você diz que algo é “vermelho escuro” ou “vermelho sangue”. A gente vai te explicar algo mais geral e bem prático!

Por que funciona?

Inúmeras pesquisas mostram a influência de cores no comportamento das pessoas. Muitas mesmo. E qual é a lógica disso? A de estabelecermos conexões entre o que vivemos e o que vemos. Aquela cor estimula isso ou aquilo em você por uma série de conexões estabelecidas – e você pode usar isso para dar uma ajuda no material gráfico e na identidade visual da empresa!

Pra minha empresa, no que isso ajuda?

As cores podem ajudar você a passar a imagem certa em uma promoção, na embalagem de um produto, no logo e na identidade visual como um todo. Confira!

Vermelho:
Que marcas vêm à sua cabeça quando você pensa em vermelho? Lista enorme, não? A Coca Cola, a Ferrari… Todas essas têm, no vermelho, a cor principal. O vermelho dá uma sensação de urgência e atrai pessoas mais impulsivas, além de ser usado em restaurantes para estimular o apetite. Através do vermelho, você passa a sensação de energia, paixão, intensidade.

Amarelo:
O amarelo prende a atenção em vitrines e “ilumina” a peça gráfica, e pode ser uma ótima cor para detalhes a serem ressaltados. Ela pode ajudar você a chamar a atenção e concentrá-la em um aspecto, também.

Azul:
Menos ligada à noção de energia e impulso, está relacionada à sensação de segurança, além de estimular a confiança – e até a produtividade. Como não estimula comportamentos impulsivos, funciona para trazer um “clima” de paz necessário à produtividade. Para empresas que querem passar essa ideia, é uma boa, a exemplo do que acontece com convênios de saúde.

Verde:
Além de ser ligado muitas vezes à questão ambiental, o verde também funciona para outras ocasiões e perfis de empresas. O verde é associado com natureza, claro, e com dinheiro e tranquilidade, como na marca Starbucks. Mais do que estabilidade, é a cor da possibilidade e do crescimento.

Gostou das sugestões? Quer ter noções da sensação passada por outras cores? Mande suas dúvidas e comentários pelo blog, pelo Twitter e pelo Facebook.

3 Comments

on “A cor certa para o seu negócio
3 Comments on “A cor certa para o seu negócio
  1. Pingback: Qual convite eu escolho? Faça o seu!

  2. Pingback: Como fazer o panfleto da sua empresa?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *