Tarantino e o Empreendedorismo: 4 lições para você

E aí, já assistiu ao Django Livre, filme do Tarantino? Quentin Tarantino é o cara por trás de filmes como Kill Bill, Bastardos Inglórios e Cães de Aluguel e, acredite, tem muito para ensinar sobre novos negócios. Separamos 4 lições de empreendedorismo dadas por ele, Quentin Tarantino!

4 LIÇÕES DE EMPREENDEDORISMO DE TARANTINO

1ª lição do Tarantino: Personalidade conta. E muito!

“Personalidade já é meio caminho andado” 

            Não basta ter uma empresa e produtos ótimos. Você tem, sim, de confiar no seu próprio taco e mostrar isso ao cliente com atitude. Deixe claro sempre que está interessado no que faz, que acredita no que faz, que sua personalidade o diferencia e tudo isso de um jeito amigável. Afinal, queremos trabalhar com gente da qual gostamos, né?

2ª LIÇÃO: Conhecimento do dia a dia vale muito.

“Quando as pessoas me perguntam se eu estudei cinema, eu respondo: ‘Não, eu ia ao cinema’.”

             Você não precisa de um curso muito caro ou uma formação ótima para entender o que é melhor para a sua iniciativa, para o seu negócio. Claro que não estamos desprezando as instituições, que podem ajudar muito nessas horas. O que vale dizer é que conhecimento prático conta muito, e que com o dia a dia do que você faz já dá pra garantir ao menos parte do sucesso!

3ª LIÇÃO: Crie, faça, comece seu negócio.    

“Se você quer fazer um filme, faça. Não espere por uma ajuda extra, pelas circunstâncias perfeitas. Apenas faça.”

             Ok, você pode até não ter muito dinheiro guardado e nunca ter aberto uma empresa. Você pode achar que “ah, já tem tanta gente nesse ramo”, mas, acredite, seu negócio pode valer muito a pena. Apenas tome a iniciativa.

           Sempre vai ter algo que nos preocupa, que causa muito receio. Saiba diferenciar o que é sua responsabilidade falando mais alto e o que não passa de uma desculpa por conta do medo.

4ª LIÇÃO: Inspire-se!

“Roubo ideias de todos os filmes já feitos”

             Tá, isso não é um estímulo ao plágio. Sabe aquela marca gringa, aquele detalhe na hora de fazer algum doce que você experimentou, aquele filme que te deu uma ótima ideia sobre algum ramo dos negócios muito bacana? Isso tudo pode tornar seu futuro ou atual negócio ainda melhor, mesmo que não seja uma ideia sua e completamente nova. Viu uma estratégia que funcionou? Tente. Inspiração é tudo.

             Lembre-se: quem não é visto não é lembrado. Então, capriche na divulgação do seu negócio através dos meios digitais, como a criação de um bom site, atendimento personalizado pelas redes sociais, além dos meios físicos através de materiais de divulgação, como: cartão de visita, panfletos, entre outros.

             E aí, curtiu as dicas? Tem mais alguma personalidade que te inspire? É só comentar ali embaixo! Você também pode mandar seu tuíte para a Zocprint ou postar algo pelo Facebook.

Tarantino e o Empreendedorismo: 4 lições para você
5 (100%) 1 vote

One Comment

on “Tarantino e o Empreendedorismo: 4 lições para você
One Comment on “Tarantino e o Empreendedorismo: 4 lições para você

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *