Fluxo de caixa: o que é e como gerenciar

Fluxo_de_Caixa_Post

Gerenciamento de fluxo de caixa, você sabe o que é? Se você está começando como empreendedor e ainda não está inteirado de todas as práticas importantes, este post é para você. E não importa se você tem uma empresa ou é um profissional autônomo.

Fluxo de caixa nada mais é do que o movimento que faz funcionar a sua empresa ou negócio. Ele é indispensável para qualquer tipo de negócio, independente da área, porque todos funcionam praticamente do mesmo jeito: dinheiro entra e dinheiro sai. O desafio, contudo, é tornar este movimento saudável.

Se você está começando algum negócio, é importantíssimo observar se possui capacidade para gerenciar o seu fluxo de caixa. Uma análise de sua própria capacidade – e uma análise honesta – é importante por duas razões:

1 – Você pode então munir-se de todo o tipo de ferramenta para ajudá-lo;

2 – Parceiros e possíveis investidores não deixarão de reparar se você sabe lidar com dinheiro.

Administrar o fluxo de caixa significa aprender a trabalhar com prazos, eventuais antecipações e muito, muito planejamento para que não haja atrasos. Uma tarefa e tanto, não é?

Para que o fluxo de caixa funcione bem, é preciso que você o atualize todos os dias. Sim, é preciso ter disciplina. E é preciso anotar tudo o que se refere a dinheiro. Registre todos os movimentos financeiros. Anote em um bloco de notas se for preciso, mas não deixe na memória mesmo o menor gasto.

Assim que puder, crie categorias em sua planilha para anotar de onde vêm os gastos e as rendas. É importante lembrar que ao relatar uma renda, ela tem que ser real. Ou seja, o dinheiro tem que ter entrado. Se vendeu a prazo, por exemplo, anote apenas o que já entrou.

O mais importante para começar a gerenciar o seu fluxo de caixa é anotar tudo. Não confie em sua memória quando o assunto é a saúde do seu negócio. Os primeiros passos são importantíssimos para crescer.

Fluxo de caixa: o que é e como gerenciar
Avalie