Os “7 pecados” dos materiais gráficos

93---Os-7 pecados-dos-materiais-gráficos_blog MENOR

Algumas coisas podem acabar com a sua imagem, através de algum aspecto de materiais gráficos. A gente separou os mais “graves” pra você tomar cuidado! 😉

1)    Rabiscar o cartão

Esse tipo de prática é muito comum e fica logo de cara, quando a gente pensa em atitudes péssimas pra imagem da sua empresa. Tem gente que muda o telefone e, em vez de fazer novos cartões de visita com os novos dados, risca o antigo e anota em um canto o novo número ou outra informação… Aí não dá, né?

É claro que você já conheceu gente que fez isso sem peso na consciência, mas não custa nada alertar, não? Acaba com a imagem e passa uma impressão de descaso.

 2)    Não tomar cuidado com o material gráfico

Você já sabe que o material gráfico é a sua primeira impressão, não sabe? Aí não dá pra fazer o material com todo o cuidado e depois deixá-lo de qualquer jeito por aí. Isso vale para o cartão de visita que você deixa amassar e para o bloco de notas amassado ou sujo no canto.

Aproveite e busque alternativas para guardar seu material gráfico e garantir que ele seja entregue ao seu futuro cliente ou distribuidor ou qualquer outra pessoa que se interesse pelo sue negócio da melhor maneira.

3)    Não atualizar o material gráfico

Mesmo que seu número não tenha mudado ou o seu endereço permaneça igual, é muito positivo atualizar o material gráfico de tempos em tempos. Um design mais atrativo, um novo modelo por conta da nova fase do seu negócio, um detalhe que faça toda a diferença – isso pode tornar seu material gráfico muito mais atraente.

 4)    Não passar do básico

A pergunta que não quer calar: por que só fazer o básico? Ok, o essencial pra você é ter um cartão de visita? Só? Tudo bem. O que acontece é que ter um “algo a mais” pode ser um atrativo da sua empresa.

Uma caneta personalizada? Um caderno com o seu estilo? Isso vai além do básico pra você, mas complementa a imagem da sua empresa e deixa o visual dela ainda melhor. Saia do básico! 😉

5)    Não sair do básico – no design

O design do seu material gráfico mais parece um documento simples do Word, bem simples mesmo? Deixar o design do seu material gráfico mais interessante pode ser o ideal para mostrar ao seu cliente um diferencial seu e do estilo da sua marca.

Mesmo que você utilize um modelo prévio para adaptar o design do seu negócio, escolha sempre o que você avalia pelo “melhor modelo”. Quer fazer o seu próprio design, feito do seu jeito? Use a opção de upload e mande o seu! Bom mesmo é inovar e tornar seu material incrível, além das expectativas.

6)    Esquecer o que “acompanha” o material gráfico

A sua postura e seu atendimento, mesmo antes ou até depois de tentar entregar um material gráfico, complementa tudo o que você fez para garantir a imagem da sua empresa nesse material. Não peque nos detalhes, nem nas coisas mais chamativas, como o atendimento por si só.

Não custa lembrar, né? Atender mal quem se interessa pelo seu negócio é um verdadeiro pecado!

 7)    Escolher a empresa errada pra fazer seu material

Alie um bom preço, um design atraente e o conforto de pedir direto da sua casa ou escritório, pela internet! Pra isso a gente te indica a Zocprint, é claro, uma empresa que se preocupa com você e com o futuro do seu negócio! Confira os cartões de visita, carimbos, capas de iPhone… Tudo personalizado!

Gostou do post? Comente por aqui, pelo Twitter ou pelo Facebook!

Os “7 pecados” dos materiais gráficos
Avalie

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *