Análise SWOT em sua Vida Pessoal para a Profissional

Você já ouviu falar em Análise SWOT, certo? Sabia que pode aplicá-la em sua vida pessoal?

Pense se não é uma forma muito interessante de se conhecer, digamos, profissionalmente? Como você é o mentor do seu negócio, você é o seu negócio. Passar por essa “análise” pode ser interessante para conhecer seus pontos fracos e fortes.

Veja só como aplicar a Análise SWOT em você mesmo!

A Análise SWOT é a mais simples, diante de outras análises e testes mais complexos. Por isso vale a pena a experiência.

Para começar, pegue papel e caneta. Se você não é dado a escrever a mão, abra uma folha em branco no Word ou faça o download da imagem abaixo.

Layout para a análise SWOT

O que você precisa fazer agora é responder sinceramente as perguntas abaixo, sem medo de que alguém esteja lendo. Se precisar, reflita um pouco sobre cada uma delas. Neste caso, essa Análise SWOT é de você para você. Então, só vai funcionar se for muito honesto e se não der respostas superficiais. Vamos lá?

Pontos Fortes: de você para você mesmo

  1. O que você faz de melhor? Muito melhor do que todo mundo ao seu redor. Pode responder sem falsa modéstia.
  1. O que em você é mais elogiado?
  2. Você consegue eleger habilidades que você tem frente a outras pessoas?
  3. Falando especificamente de valores, o que você tem, ou é, que outras pessoas a seu redor não são, ou são “menos”?

Pontos Fortes: vida social

Sua vida social conta bastante para os negócios. Habilidade de se relacionar é dos requisitos mais importantes na vida profissional. Por isso, uma Análise SWOT pessoal também envolve suas relações.

Responda então:

Quais sãos os grupos sociais que participa? (Igreja, clube, faculdade, futebol, academia) Tudo conta.

Depois de enumerar os grupos, anote o seu ponto forte em cada um desses grupos. Por exemplo, em um você é o mais divertido; noutro, o mais inteligente.

Qual a experiência que você possui que ninguém possui em cada um desses grupos?

Quais os recursos (ferramentas ou algo fora de você) que você tem acesso que mais ninguém tem?

Por exemplo: dinheiro, acesso fácil a x,y e z, carro, tempo livre…

Análise SWOT

Pontos Fracos: de você para você mesmo

Essa parte é mais difícil. Não gostamos de falar sobre nossas fraquezas, ou sequer sabemos quais elas são. Essa parte, todavia, é imprescindível para se conhecer melhor e crescer, em todos os sentidos.

Vamos às perguntas?

Qual é a atividade que você mais evita? Pense em todas elas, mesmo as aparentemente bobas.

Qual qualidade pessoal mais incomoda você? Tente mesmo ser muito sincero.

Pontos Fracos: vida social

  1. As pessoas costumam ficar chateadas com você sempre pela mesma razão?
  2. Você acha que possui alguma inabilidade social que de fato te atrapalha?
  3. Quais são os seus principais defeitos no que se relaciona a trabalho?

Por exemplo: chegar atrasado, estar sempre em cima dos prazos, ser fechado para receber feedbacks…

Quais são as pessoas que competem com você? O que elas têm de melhor? Quais são as suas vantagens em relação a elas?

Veja alguns pontos que você deve levar em consideração para o sucesso de sua carreira:

  • Frequente eventos ligados à sua área de atuação;
  • Reserve um tempo para trabalhar o seu networking;
  • Leia assiduamente publicações de sua área.

Depois de todas as perguntas respondidas, faça uma reflexão profunda sobre cada indicador e pense na melhor forma de potencializar e aplicar seus pontos fortes e melhorar nos pontos fracos.

Boa sorte!

Análise SWOT em sua Vida Pessoal para a Profissional
5 (100%) 1 vote

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *