Carregando...
Gestão e Negócios

Coworking: dicas para saber se o formato vale a pena para o seu negócio

Coworking

O coworking é uma ótima oportunidade para quem está buscando troca de experiências, melhorar o networking e a capacidade profissional. De forma resumida, o coworking é um espaço de trabalho colaborativo e compartilhado, que está ganhando muito espaço na atualidade.

Mas, o que está deixando os profissionais em dúvida sobre esse formato é se ele vale a pena para o seu negócio. Se você também possui essa dúvida, aqui, vamos falar sobre algumas dicas para auxiliar você a entender melhor sobre o coworking. Quer entender melhor sobre o assunto? Então, vem conosco!

Como funciona o Coworking?

Esse formato funciona muito bem para quem precisa de um espaço de trabalho, mas quer gastar menos e, ainda por cima, ter um ambiente inspirador. Como esses locais e recursos de escritórios são compartilhados com pessoas de outras empresas, o coworking trabalha com a rotatividade de áreas e estruturas.

Isso é bem bacana, pois gera grandes oportunidades de networking, já que é muito comum ter profissionais autônomos trabalhando nesses ambientes. Por exemplo, um escritório de advocacia de pequeno porte pode fechar novos negócios com parceiros que se conheceram e trabalham nesse mesmo espaço.

Outro ponto de destaque é que muitas pessoas se sentem mais motivadas a trabalhar inseridas no modelo coworking, tanto pelo social quanto pelo ambiente renovador. Sendo assim, diversos negócios relatam a melhora na produtividade de suas equipes com esse modelo de trabalho!

Vantagens do coworking

  • Aumento de produtividade: uma das maiores vantagens do coworking é o aumento do rendimento do trabalho. As pessoas costumam gostar do convívio social com colaboradores de outras empresas e da dinamicidade do ambiente;
  • Ambientes perfeitos para o seu trabalho: muitos coworkings possuem espaços aconchegantes e despojados. Isso ajuda a ter um engajamento na rotina de trabalho. Além disso, os locais possuírem a estrutura necessária para o seu trabalho, como internet, salas de reunião e claro, aquele cafézinho básico.
  • Muito mais econômico: geralmente, esses ambientes compartilhados são muito mais baratos do que ter um ambiente próprio para uma empresa. Nada de gastos extras com imobiliária, instalação de internet, telefone e móveis;
  • Networking com pessoas de diversas áreas: essa é uma das maiores vantagens. Como dissemos anteriormente, o espaço compartilhado pode gerar novas oportunidades de trabalho;
  • Crescimento de mercado: com novas oportunidades de trabalho, há mais giro de mercado. Isso ajuda a movimentar o meio e também a qualificar as demandas!

Desvantagens do coworking

  • Funciona em horário comercial: sim, esse é um grande problema para quem precisa de hora extra para trabalhar. Não que seja impossível ter um horário diferente de trabalho, só que as despesas do coworking podem ficar elevadas devido ao funcionamento fora do horário tradicional;
  • Salas extras, gastos extras: se precisar fazer alguma reunião ou ter alguma conversa mais reservada, é necessário agendar horário para usar espaços destinados a isso. Isso implica em alugar esses espaços e isso pode sair mais caro para os empreendedores e empresas de pequeno porte;
  • Falta de privacidade: assim como é muito vantajoso para fazer networking, um dos grandes problemas do coworking é a falta de privacidade, podendo até mesmo a incomodar certas pessoas, já que os ambientes costumam ser bastante movimentados.

Então, o que você achou de saber sobre o formato do coworking? Ele vale a pena ou não para implementar no seu negócio? Comente abaixo para nós sabermos!